Pular para o conteúdo principal

DESTAQUE:

Setembro Amarelo é mais do que uma campanha

 Oi oi pessoas, como vocês estão? Essa semana é a minha estreia aqui no blog e vou conversar com vocês sobre saúde mental, bem-estar e autoconhecimento. E já que estamos no mês de Setembro acredito que é importante falarmos do Setembro Amarelo. Você já ouviu algo sobre isso?  Como começou a campanha Setembro Amarelo? Em 1994, um jovem americano de 17 anos, chamado Mike Emme, tirou a própria vida dirigindo seu carro amarelo. Comovidos com a situação, seus amigos e familiares distribuíram no seu funeral cartões com fitas amarelas e mensagens de apoio para pessoas que estivessem passando o mesmo desespero de Mike, e a mensagem foi espalhada mundo afora e chegou no Brasil.  Aqui no Brasil a campanha Setembro Amarelo foi criada a fim de informar a população e prevenir o suicídio. Afinal de contas, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a cada 40 segundos uma pessoa tira a própria vida em algum lugar do planeta, e o suicídio é a segunda principal causa de morte em jovens com idades en

The Dark Hour: Novidade da Banda The Parlor Mob

Olá menines, tudo bem? Hoje tem playlist novíssima por aqui, com o último lançamento da banda The Parlor Mob, uma banda que eu amo demais e que já tem playlist antiga deles no blog, então para saber mais sobre a banda e também, ÓBVIO, curtir mais do som dos caras, é só clicar aqui!

https://www.parlormob.com/
Imagem: reprodução site oficial The Parlor Mob

The Dark Hour

O álbum The Dark Hour lançado em meados de 2019 é o terceiro álbum de estúdio da banda The Parlor Mob, após oito anos do lançamento de Dogs, e a banda mostrou que apesar de ter se passado tanto tempo, o talento deles só aumentou e o estilo da banda se manteve fiel à sua origem.

The Dark Hour: Novidade da Banda The Parlor Mob
Arte do álbum The Dark Hour; reprodução site oficial The Parlor Mob

O The Dark Hour contém dez faixas, incluindo a faixa "Setting With The Sun", single lançado em 2018. É difícil dizer quais são minhas favoritas, mas para fazer um top five, eu classificaria a agitada House Of Cards, All I'm Holding Onto, a sexy Someday, a calma e pensativa Dark Hour e Not Your World. 


Com influências dos anos 60, 70, do indie rock e do blues, The Parlor Mob consegue brincar com os estilos diferentes na proposta do rock experimental com muita versatilidade e criatividade, e apesar do estilo da banda ser muito fiel e marcante, pela sonoridade e principalmente pelo vocal inconfundível do Mark Melicia, cada composição dos caras é totalmente diferente das outras, e eu amo essa característica deles.

Agora salva essa playlist, clica no play e #TOCAROCK!


__



Espero que tenha gostado da dica de hoje, e acompanhe o blog Doce Maldade Feminina também no Facebook para ficar por dentro de todas as dicas de lazer, playlists, além de dicas de filmes e séries, beleza, moda e muito mais! Me siga também no Instagram, sempre dou dicas por lá! Se inscreva no meu canal no YouTube para me conhecer melhor e conversarmos sobre os mais diversos assuntos! Um beijão e até a próxima 😘



Comentários