Pular para o conteúdo principal

DESTAQUE:

Jeans Sustentável e Preços Acessíveis: É possível?

 Olá, menine! Tudo bem? No post de hoje vamos falar sobre jeans sustentáveis e qual é a importância de optarmos por peças com produção mais sustentável. Mas antes disso, quero deixar claro que: é impossível exercer uma produção ou consumo 100% sustentável, o que podemos (e devemos) fazer é nos conscientizar sobre a forma que consumimos e fazer as melhores escolhas possíveis. Quando eu falar, ao longo do texto, que são "jeans sustentáveis ou mais sustentáveis", entendemos que são produzidos com o menor impacto possível para o meio ambiente, mas ainda assim, é gerado um impacto.   Já falei aqui no blog sobre a importância de termos controle sobre o nosso consumo (clique aqui ) e recentemente sobre a diferença entre moda sustentável e a moda consciente , e como podemos exercer uma moda mais consciente, até que a sustentabilidade chegue ao alcance de todos (clique aqui para ver!). Hoje, as marcas com jeans mais sustentáveis que você vai ver neste post, são marcas conhecidas, que

The Grand East

Se tem uma coisa que eu gosto demais nessa vida é de um bom rock and roll (acho que todos já perceberam) e gosto de fazer tudo com música e sempre conhecer bandas novas. Nas últimas semanas, tenho escutado demais uma banda que é nova para mim e para o mundo, o The Grand East. Mas embora eles sejam jovens e tenham pouco tempo de estrada, ouvir The Grand East é como uma viagem aos anos 70. Sensacional!

The Grand East


Eles estrearam no universo rock and roll em 2015 com a gravação do primeiro single, Rain Is Coming, então lançaram 4 EP's e finalmente o álbum completíssimo Movano Camerata em 2016. Participaram do festival de música europeu Noorderslag em 2017, que acontece em Groningen, Holanda, e ficaram entre os Top 10 músicas na Holanda. Uma mistura de rock and roll, blues, soul, eles chamam o som que fazem de Rock and Soul. É impossível assim que você ouvir pela primeira vez não perceber a semelhança com o estilo do clássico The Doors, que claramente é influência fortíssima para o The Grand East, inclusive no visual.


O The Grand East tem um som contagiante, muito alto astral e músicas muito divertidas, mas também tem faixas mais fiéis ao blues com aquela sensualidade obscura das clássicas cenas em boates de filmes antigos. Tem uma pegada muito psicodélica, daí a semelhança com The Doors, mas apesar dessa semelhança eles possuem estilo e identidade fortíssimas. Tem um vocalista poderoso e um arranjo musical sensacional. Eu sei que uso muito a palavra "sensacional" mas eu gosto muito dela e é perfeita para descrever o som dos caras.


Agora que você já conhece um pouco sobre a banda, dá um play nos vídeos e curta a playlist da semana!


Bom, espero que tenha gostado da dica de hoje, e acompanhe o blog Doce Maldade Feminina também no Facebook para ficar por dentro de mais dicas de séries e filmes, música, de beleza, moda e muito mais! Me siga também no Instagram, sempre dou dicas por lá! Se inscreva no meu canal no YouTube para me conhecer melhor e conversarmos sobre os mais diversos assuntos! Um beijão e até a próxima 😘

Comentários

Mais Lidas: