LUTE!

A vida tem aquelas fases em que está tudo bem, e em que tudo começa a ficar estranho. Depois de ficar estranho, começa a ficar sem controle, sem explicação, e nós temos a sensação de que o mundo está desabando nas nossas costas, injustamente, e nos perguntamos se merecemos mesmo aquilo tudo que está acontecendo. Eu aprendi, de maneira realista e muito relutante, que sim, merecemos e principalmente precisamos. Nós precisamos porque quando está tudo bem, nada muda. Se está tudo bem, continua tudo igual e assim criamos a nossa zona de conforto. Afinal, não tem necessidade de mudar algo que está no lugar, certo? Errado!

Pare e pense consigo mesmo: o quanto você está diferente hoje de um ano, dois anos, cinco anos atrás? Veja os seus pensamentos, suas ideias, seus objetivos, seus argumentos, e compare com os mesmos pensamentos, objetivos, argumentos e ideias de tempos atrás. Veja seus gostos: músicas que você não gostava ou não escutava antes e agora você gosta, lugares que você gostava e não gosta mais, aquela roupa que você comprou há um ano mas já não se vê usando. Percebeu as mudanças? Nós somos altamente mutáveis, a nossa natureza é essa. E somos mutáveis porque a vida nos muda, tudo o que nos acontece, seja imediatamente ou depois de meses, anos, exerce alguma influência sobre nós, e essas influências vão nos fazendo ver com outros olhos. E consequentemente, conforme NÓS mudamos, precisamos mudar o que está à nossa volta, mas nem sempre estamos dispostos a fazer isso, pois quando tudo está dentro das normalidades não queremos assumir riscos.

LUTE! - luvas de boxe na cor rosa


Então o que a vida faz? Ela nos chacoalha e deixa de cabeça para baixo! Já que estamos na nossa zona de conforto, ela faz uma bagunça enorme para que possamos acordar e voltar a batalhar, a se descobrir, a encontrar a nossa força e a saber do que somos capazes. E se for preciso te deixar sem fôlego, sem luz, sem saída, ela vai deixar. Porque somente dos piores momentos tiramos forças, somente dos piores erros aprendemos as lições mais valiosas. Às vezes precisamos testar nossos limites, pois sem isso jamais saberemos até onde podemos chegar, e acredite, é muito mais longe do que podemos ver. 

Agora vejamos, qual é a relação das nossas mudanças pessoais, como gostos, ideias e pensamentos com essas mudanças malucas e inesperadas que a vida nos traz? Por que tem que acontecer dessa forma? Porque nós mudamos e não percebemos, e conforme mudamos, ficamos mais sábios, mais fortes, mais maduros, mas não nos damos conta disso. Consequentemente, não nos damos conta de até onde podemos chegar, e sem perceber do quanto somos capazes, nos acomodamos na nossa situação habitual. Se não percebemos que podemos voar, não saímos do chão. Então quando a vida está te dando tudo de mais intenso, doloroso, inexplicável, inesperado, ela está te mostrando que você é capaz de ir além, mesmo que o medo e a incerteza te digam muitas vezes que não, e quando você se vê sem saída, toma atitudes e corre riscos que nem acredita porque é isso que vai te manter firme. Quando você tem algo para lutar é quando você está mais vivo do que nunca, e é isso que a vida ensina, a viver. Então não se permita desistir, descanse, mas lute e não aceite menos do que sair da luta de cabeça erguida, mesmo com todas as feridas, mas tendo mais sabedoria e sabendo que sua força é muito maior do que você imaginava e que isso te deixa pronto para novas batalhas que trarão grandiosas vitórias.

Comentários