The Mud Howlers

Uma banda de rock com a cara do blues, guitarras arrastadas, ritmo contagiante. Para mostrar que o clássico é eterno e inovador, The Mud Howlers promete um som inovador sem deixar as influências de Led Zepellin, Jimmy Page, The White Stripes e riffs que lembram Jimmy Hendrix. Com formação em 2011 em Hermosillo, cidade no estado de Sonora, no México, o The Mud Howlers conta com os irmãos Natan Larringa (guitarra e vocal) e Norberto Larringa (baixo e reclado), Carlos Molina (bateria) e Felipe Garcia (guitarra e sintetizadores). Natan e Carlos começaram a tocar aos 16 anos e a primeira formação da banda foi composta por eles, mais tarde incorporando Norberto e Felipe. 

The Mud Howlers
Imagem Reprodução: Pinterest

A primeira gravação da banda em estúdio foi álbum Get Inside The Muds, em 2012, depois o EP R.R.R., de cinco faixas, gravado em setembro de 2014, o single Magic Place de abril de 2016 e em agosto do mesmo ano o álbum Timeliness, e em outubro de 2017 o single Let's Make Love. Em 2016 receberam o prêmio Music Award de melhor álbum e melhor música de banda independente. 


Minha Opinião Sobre o The Mud Howlers


The Mud Howlers é uma banda para os verdadeiros amantes de rock and roll e apesar de serem muito novos, são fiéis ao blues e classic rock. As melhores faixas, na minha opinião, são Got 54, que já começa arrebentando tudo no melhor estilo noise, com guitarras estridentes e arrastadas. Nesta faixa o solo de guitarra deixa muito claro as influências dos caras. O vocal de Natan é uma viagem no tempo, e parece de fato, que você está ouvindo uma banda dos anos 70. Em The Light, os sintetizadores fazem a vez, e as guitarras completam a sonoridade que passa uma certa sensualidade como em uma clássica cena de pole dance. The Beast já começa contagiante com bateria e mais uma vez, a guitarra, que remete muito ao estilo de Hendrix. The Alchemist Gold é a mais "suave" da banda, e é inevitável essa música não grudar em você pior que chiclete nos cabelos. Give Me Something é uma das faixas que tem um estilo mais "atual", que apesar de ser muito a cara do blues tem uma leve pitada, quase imperceptível, de indie rock, mas além disso é grudenta-chiclete também, muito noise, e claro muito legal.


Eu estou viciada nessa banda, não sei o que fazer porque só consigo repetir a playlist o dia todo e não quero ouvir outra coisa neste momento. The Mud Howlers é uma das poucas bandas que você escuta pela primeira vez como se já conhecesse. Os caras provam que panela nova também pode fazer comida boa. Agora dá play no vídeo e na playlist da semana!

Comentários